Feeds:
Posts
Comentários

só eu

pra reler meu próprio blog depois de tanto tempo e sair revisando erros de português.

Anúncios

quanta gente já não disse que ser humano é reviver a mesma coisa várias vezes? e tentar, tentar, tentar e não conseguir chegar em canto nenhum.

você fica feliz por dois segundos achando que quebrou um ciclo e que agora vai ser diferente, só pra se ver fazendo aquela mesma merda e se sentindo a mesma bosta um tempo depois.

e, pra completar, escrevendo no mesmo blog sobre os mesmos dramas.

e a única coisa que muda é o url.

a pergunta

será que eu ainda sei escrever?

olha, vou te contar

não importa o quão bizarra seja sua vida. não importa quantas voltas o mundo dê.

você NUNCA imagina que um dia vai parar no sex shop com a sua mãe.

preguiça

é a verdade.

leather

Look I’m standing naked before you
Don’t you want more then my sex
I can scream as loud as your last one
But I can’t claim innocence

Oh God
Could it be the weather
Oh God
Why am I here
If love Isn’t forever
And it’s not the weather
Hand me my leather

I could just pretend that you love me
The night would lose all sense of fear
But why do I need you to love me
When you can’t Hold what I hold dear

Oh God
Could it be the weather
Oh God
Why am I here
If love Isn’t forever
And it’s not the weather
Hand me my leather

I almost ran over an angel
He had a nice big fat cigar
“In a sense” he said “You’re alone here
So if you jump you best jump far”

o mundo vai, o mundo volta.

das notícias ruins

a pior parte de avisar pra todo mundo que está tentando algo, é ter que dar satisfação quando não dá certo.